terça-feira, 21 de outubro de 2008

A frase desta terça, 21 de outubro

"Para navegar contra a corrente são necessárias condições raras: espírito de aventura, coragem, perseverança e paixão."
Nilse da Silveira, psiquiatra, uma mulher a frente do seu tempo.

Bom dia meus perseverantes blogueiros, bom dia amigos iluminados.

27 comentários:

Elaine disse...

Eu não tenho dúvida nenhuma que é preciso tudo isto mesmo!
E acrescento ainda: muita determinação.

Eliane disse...

Bom dia minha querida.Que bom vê-la por aqui. E como preciso mesmo de sua presença e carinho. E consultas particulares.
Trabalhe um pouco menos.

a vizinha à direita disse...

E VC TEM TUDO ISSO DE SOBRA !!!!!!!!!!!!

a vizinha à esquerda disse...

Vc é quem pensa...
Mas hoje estou juntando tudo isto...e seguir

Rosana disse...

Meninas, não VI MALVINO ONTEM, snif, snif, snif, dps me contem o que houve, tá legal??/
Perdi muitaaaaaaaa coisa boa do LINDÃO??? Ohhhhhhhhhhh céuuuuuuuuusssssssssssss, culpa e Miss Joaninha, hj, nem olho p ela, grudo na TV, kkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

Lili disse...

malvino de nov?
Só tem esta fixação?
Tem outra não?
Enumere , vamos.

a vizinha à direita disse...

Malvino ontem, RO, foi pego com a boca na botija !!!!!!!!!!! o maior flagra !!!!!!!

Lulu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lulu disse...

Que linda citação de Nise da Silveira.... realmente, uma mulher muito à frente de seu tempo, médica psiquiatra, alagoana arretada, foi presa como subversiva (ela tinha 31 anos - detalhe - ficou na mesma cela de Olga Benário - ela é citada no livro "Memórias do Cárcere", de Graciliano Ramos), foi discípula de Jung difundindo entre nós suas idéias, revolucionou a psiquiatria ao criar a seção de terapêutica ocupacional do Centro Psiquiátrico D. Pedro II, passando a tratar os pacientes esquizofrênicos através da arte, criando para eles um museu especial - já ouviu falar de Artur Bispo do Rosário? É daqui de Sergipe, de uma cidade chamada Japaratuba, foi paciente dela), tinha um enorme amor pelos animais, principalmente gatos (ela criava vários)... sugiro que leiam "Cartas a Spinoza" (ela chamava esse filósofo de "alma irmã), de autoria dela, um livro muito interessante de ler... morreu há pouco tempo (uns 2 anos, acho), já quase centenária...
Eu sou completamente a-pai-xo-na-da por ela.....
Muito feliz sua postagem!!!!

a vzinha à direita disse...

De quem terá sido esse comentário excluido ???????????????? bem a propósito !

Rosana disse...

VIZINHAAAAAAAAAAAAAA, COM A BOCA NA BOTIJA e o restante ... conta, conta, contaaaaaaaaaa, perdi esssaaaaaaaa. affffffffffffffffff, conte-me tudoooooooooo, não me escondaaaaa nadaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!


VIZINHA, é um tal de EXLUIREM POSTANGENS, MISTÉRIOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!!!
To imaginandooooooooo, hummmmmmmm, devem ter visto MALVINO E CONTARAM TUDOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!

Rosana disse...

Para Lili: tem um novinhooooooo, o Portuguezinho da novela das seis, ohhhhhhhhh myyyyyyyyyyy godddddddddd, já está na minha lista de ADOÇÃO, alguém sabe o nome do AÍ JESUS???????????

Lindimmmmmmmmmm, bonitimmmmmmmmmmmmmm , gostoZZZZZZimmmmmmm dimaisssssssssss!!!!!!!

Rosana disse...

Gentemmmmmmmmmmmmm, vejam só esta NOTÍCIA, affffffffffffffffff, o que mais vão inventar, hein, hein????

"Lingerie com GPS pode ser rastreada pela internet."

São Paulo, 21 de outubro de 2008 – "Depois de carros e celulares, o GPS continua se popularizando e teve um novo destino. Hoje, já é possível encontrar o dispositivo embutido até em uma lingerie."

O restante do artido está no endereço abaixo:

http://wnews.uol.com.br/site/noticias/materia.php?id_secao=4&id_conteudo=11889

Meninas, podem esperar, já, já vaõ colocar o GPS NA CUECA DA MULHERADA CIUMENTA, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...aíiiiiiiii, coitadim dos PULADORES DE CERCA, jáaaaaaaa eraaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!

Rosana disse...

"A lingerie high-tech vai custar entre R$ 1.750 e R$ 2.500."

Imagina O PREÇO DA CUECA COM GPS, nossaaaaaaaaaaaaaa, " peso " de OURO e sinceramente meninas, dependendo do "material" que ela "guarda" , achooo que valeeeeeeee a pena o super investimento pq ANDA MT ESCASSOOOOOOOOOOOOOO, QUEM TEM, COLOQUE MESMO GPS, GUARDE O QUE É SEU PQ "A MULHERADA TÁ DE OLHOOOOOOOO", kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

Georgina disse...

Paixão...ah, paixão!!!...Já dizia Roberto Freire: "Sem paixão não há solução". Lili: enviei um e-mail procê!!

Georgina disse...

O resto é redundante...Tendo paixão (seja lá por que ou quem for) a gente se aventura, se enche de coragem e fica com uma perseverança absurda. Não acham não, meninas??

Camélia disse...

Hortência

O Blog está muito misterioso. Anônimos misteriosos, postagens removidas. Afinal, o Blog agora é de suspense?rsssssssssssssssssssss

Beijos

Camélia

Georgina disse...

Fui consultar "paixão" no Michaelis e encontrei, entre outros significados: "movimento impetuoso da alma para o bem ou para o mal". Creio que tanto um como o outro envolvem os quatro aspectos citados pela Nilse na frase da Eliane. Nilse escolheu o bem "para navegar contra a corrente" e viveu em paz com: as quatro condições raras (que insisto, redundam numa só: a paixão"...), o seu maravilhoso trabalho e os seus lindos gatinhos(como bem citou a Lulu). Figura maravilhosa essa!... é impressionante como revolucionou a Psiquiatria...Sorte minha!...doida que sou já estaria numa camisa de força...hehehe

Lulu disse...

Georgina, não é "sem paixão não há solução", mas "sem tesão não há solução", que inclusive é o nome de um livro dele (Roberto Freire), muito bom, por sinal..... O "tesão" a que ele se refere não é especificamente o tesão sexual, mas tesão pela vida, tesão pelo que se faz, tesão num sentido bem abrangente.... Roberto Freire tem outros livros que valem a pena ler, como "Cleo e Daniel", "Ame e dê Vexame" e "Coyote"... são simplesmente espetaculares!
E por falar em "navegar contra a corrente" hoje eu escutei uma frase que me fez parar para pensar: "é na queda que o rio ganha energia". Vale a pena refletir sobre esta frase....

Lulu disse...

Ah! A Nise da Silveira não morreu há uns 2 anos não, morreu em 1999 (já vai fazer 10 anos!), é que ela faz parte do meu dia-a-dia de tal forma, que para mim sua morte tinha sido mais recente....

Georgina disse...

Pois é, Lulu!! Pensei no "tesão" (título do livro) como "paixão" e acabei trocando as palavras...rs. Gostei mto da sua frase. Como ela: "mares calmos não fazem bons marinheiros...". Ainda não li "Cartas a Spinoza", da Nize. Valeu a dica!...vou tentar encontrá-lo pra já. Obrigada e bjs!

eliane disse...

Meninas queridas, evitem falar em "tesão" perto da Rosana. Evitem, evitem....risos

Lulu disse...

É um livro muito interessante, Georgina, fininho, mal ultrapassa as 100 páginas... a editora é a Francisco Alves. De vez em quando eu o releio.

Camélia disse...

Hortência / Ro

E de que adianta viver sem tesão?
Não vale a pena. Só com muito tesão.

Beijos Dupla Dinâmica

Camélia

Rosana disse...

Vamos por favor MUDAR O RUMO DESTA PROSA????

ALEGRIA, ALEGRIA

lenço e sem documento
No sol de quase dezembro
Eu vou...

O sol se reparte em crimes
Espaçonaves, guerrilhas
Em cardinales bonitas
Eu vou...

Em caras de presidentes
Em grandes beijos de amor
Em dentes, pernas, bandeiras
Bomba e Brigitte Bardot...

O sol nas bancas de revista
Me enche de alegria e preguiça
Quem lê tanta notícia
Eu vou...

Por entre fotos e nomes
Os olhos cheios de cores
O peito cheio de amores vãos
Eu vou
Por que não, por que não...

Rosana disse...

continuando e QUERO OUVIR TODOSSSSSS CANTANDOOOOOOO, VAMOS LÁ BLOGUEIRASSSSSSS:

Ela pensa em casamento
E eu nunca mais fui à escola
Sem lenço e sem documento,
Eu vou...

Eu tomo uma coca-cola
Ela pensa em casamento
E uma canção me consola
Eu vou...

Por entre fotos e nomes
Sem livros e sem fuzil
Sem fome, sem telefone
No coração do Brasil...

Ela nem sabe até pensei
Em cantar na televisão
O sol é tão bonito
Eu vou...

Sem lenço, sem documento
Nada no bolso ou nas mãos
Eu quero seguir vivendo, amor
Eu vou...

Por que não, por que não...
Por que não, por que não...
Por que não, por que não...
Por que não, por que não...

Eliane p/Ro disse...

Minha querida Rosana, tenho lençois de sobra aqui para as nossas lágrimas viu. Agora, não podia arrumar uma música mais moderninha? Tudo bem, continue cantando e se segurando.