segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Virando páginas


É muito difícil virar totalmente uma página. Mas é preciso. O problema é que sempre fica um saldo. Um trauma, uma mágoa, um ressentimento ou a incerteza de que seremos realmente capazes.
Começar uma vida nova é o desejo de todos nós, a cada dia que um novo dia desponta. Às vêzes é possível, às vêzes não.
Mudar o rumo não é fácil. Exige energia. É como ter que virar a vida do avesso, jogar fora sonhos antigos, pensamentos que não se afinam mais com o momento atual, se livrar de pessoas que nada mais acrescentam. Sair de uma total acomodação de hábitos e esquecer a frase clichê "poderia ser pior, então é melhor ficar como está."
Hoje é um bom dia para se refletir porque deixamos páginas abertas em cima de nossas mesas e nas nossas mentes. Uma segunda-feira é sempre dia de recomeço.
Esquecer o passado, acontecimentos marcantes que geraram sofrimento ou alegrias não é nada fácil. É muito difícil superar e se superar. Ainda mais diante de tantos limites impostos pela vida. Mas é preciso tentar. Muito. E para seguir adiante, não tem outro jeito não: só mesmo virando as folhas de sua história. E vencendo o cansaço.
Bom dia amigos. Começa uma nova segunda-feira, a última de novembro. O mês também está quase virando.

26 comentários:

Daniel Savio disse...

Todo momento que decidimos (e arcamos que com a responsabilidade) por novos rumos na nossa vida é um bom momento para isto...

Fique com Deus, menina Eliane Furtado.
Um abraço.

DRAGÃO DOURADO disse...

Que beleza de texto e lá vamos nós seguindo a vida e virando páginas que muitas vezes gostaríamos que ficassem ali paradinhas que aquele momento fosse eterno ahhhhhhhhhh como seria bom!
Que beleza seria se pudéssemos "congelar" momentos especialíssimosssssss de nossas vidas,eu teria mtosssssssssss e um big freezer p guardar cada um deles massssssssss a vida não é assim então olhamos pra frente, arrebitamos nossos narizinhos e seguimos mtas vezes com o coração aos cacos mas seguimos para o FUTURO que certamente nos proporcionará novos momentos MÁGICOS E INESQUECÍVEIS!
Semana de PAZ para todos nós beijinsssssssssss

Chica disse...

Ñovembro já se vai e chega dezembro e a luz dele em nós...

Pena que há tanto COMÉRCIO em torno do Natal, senão seria muito melhor...

E vamos virar páginas e páginas, sabendo que como humanos, de vez em quando, vamos lá no nosso velho caderno, dar uma "bisoiadinha",rsrsrs...beijos,tuuuuuuuudo de bom,linda semana!chica(na próxima chega o filhão!!!VIVA!!!)

Vera do sulllll disse...

Bom Dia Eliane e Blog!
Lindo o texto, lida a reflexão. Há momentos que eu gostaria que a folha ficasse aberta e até poeira pudesse ser vista nela.Noutros eu gostaria que fosse 2014 e que eu continuasse bem como estou,o fantasma do Ca, se esfumaçado e dispersado. Como todos, sinto a angústia das novas páginas e alegria das que já foram escritas, lidas e viradas.
Bjs atodos, muita paz aos cariocas merecedores.

Giiiiiii disse...

.. Não há certo ou errado, mas sim escolhas e consequências ! Decida ser feliz e responsabilize-se por isso .. as vezes pode demorar até termos a força necessária para deixar para trás sentimentos,pensamentos, sonhos, mas o vento seca as lágrimas, a dor a angústia só serão libertas qdo nós libertarmos o nosso coração .. É dificil, mas podemos encontrar força em nós mesmos para faze-la ..

Bubby disse...

Eliane bom dia!!!

Esquecer o passado é impossível, porque, nele, se encontram as lições aprendidas, os erros cometidos, os quais não devemos repetir, e, a experiência de vida.
Usar o passado como aprendizado de vida, é a sabedoria e maturidade.
É difícil, mas, é necessário.

Bubby sabe Bubby diz!

Espaço Aberto disse...

Virar a página é acreditar no que o destino irá nos proporcionar...

Você sabia que mais comum do que a maioria das pessoas imaginam, o Transtorno de Déficit de Atenção afeta uma média de 5% a 10% da população infanto-juvenil?
Quer saber mais sobre o assunto? Venha ler a matéria da Carmem.

Receba o nosso abraço carinhoso

Eliane Furtado disse...

Bom dia, jovem embarcado Daniel. Estamos no momento certo para seguir novos rumos. Peraí. Tem momento certo? Bem, talvez.

Eliane Furtado disse...

Oi Dragão. Chegando o reveillon e vc se tostando e dourando o corpinho.
Tem momentos que poderiam durar bem mais que frações de segundos.
Enfim, tem gente que não vive nem isto.
Somos pessoas de sorte.

Eliane Furtado disse...

Chica, dezembro, dezembro. Esperei muito por isto.
Aproveitando a trégua, driblando as incertezas, e virando algumas páginas.
Filhão filhão, Chiquita vai sumir.
Um bom motivo!

Eliane Furtado disse...

AH, o fantasma do ca...
Veroca, ele já acabou por aí. Não pense mais nisso. Viva. Tenho fé e certeza.
Aqui deste lado, a situação é complicada, mas combinei não pensar nisso em dezembro. Vou deletar. Quando os fantasminhas surgem, só permito que entrem na cabeça os camaradas e bons.

Eliane Furtado disse...

Salve Gi. Chamo minha sobrinha Gisela de Gi.
Bom vc estar nesta sala de visita. Melhor ainda foram suas palavras.

Eliane Furtado disse...

Bubby, mas tem coisa que eu não gostaria de esquecer não. Gostaria de enterrar!!!!!!1
ks
Boa semana.

Eliane Furtado disse...

Oi turma do Espaço Aberto. Já fui e adorei.
Vou voltar e reler mais tarde. Tem posts que adoro reler.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Belo texto, Eliane sobre um tema tão difícil. Virar a página é necessário para que tenhamos uma vida equilibrada e consigamos viver o dia presente da melhor maneir; mas não adianta...virámos a página, mas de vez em quando nessa nova página vemos escritos, em letras bem garrafais assuntos das páginas viradas; digo isto por experiência própria.; não quero, mas é inevitável. É como quando se está a ler um livro; estamos com muita atençaõ a ler, quando de repente nos falta algo para entender a página que temos na nossa frente e temos que ir atrás, uma ou várias páginas para entendermos a história e prosseguirmos a leitura. Com a vida é a mesma coisa!!! Um beijinho e...vamos lá, sempre tentando virar a página e COMEÇAR DE NOVO: Fica bem, amiga
Mila

Lulu disse...

Viramos páginas, mas o que vivemos fica gravado no livro da nossa vida. Como bem colocou Bubby, nos proporciona maturidade e sabedoria. Só não podemos ficar repetindo padrões, que é o que nos impede de evoluir como pessoas. E ter sempre em mente que o universo nunca trama contra o ser.
Bom dia para todos, beijos, tenham um lindo dia.

*Mi§§ §impatia* disse...

Ainda bem que todos os dias temos a chance de recomeçar e virar páginas.....
Boa semana, beijos.

Silvana disse...

Boa tarde Blog, boa tarde Lili, de novo BINGO, você tem a sensibilidade de captar o momento astral, que post bárbaro. Adorei!!!!!!!!!!vou compartilhar de novo. Beijos

Angela Lemos disse...

Minha amiga querida!
Como disse Ivan Lins...

Começar de novo e contar comigo
Vai valer a pena ter amanhecido
Ter me rebelado, ter me debatido
Ter me machucado, ter sobrevivido
Ter virado a mesa, ter me conhecido
Ter virado o barco, ter me socorrido

Começar de novo e só contar comigo
Vai valer a pena ter amanhecido
Sem as tuas garras sempre tão seguras
Sem o teu fantasma, sem tua moldura
Sem tuas escoras, sem o teu domínio
Sem tuas esporas, sem o teu fascínio
Começar de novo e só contar comigo
Vai valer a pena já ter te esquecido
Começar de novo...


Também estou numa fase dificílima da minha vida, e o seu texto me fêz muito bem...
Beijo gostoso!

Rodrigo Passos disse...

bom texto, gostei do seu espaço!

Eliane Furtado disse...

Puxa, tantas visitas auspiciosas e não posso responder agora um a um.
Vcs encheram minha tarde de bons fluidos.
Um beijo especial para turma do dia a dia e que bom temos novos amigos.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Elianinha querida,

Me lembro de quando você falava de agosto, do quanto estava demorando a passar. Agora passou. Assim como setembro, outubro e novembro... Quase tudo passa; só o que é forte permanece, apesar do tempo.

Virar a página, para o bem ou para o mal, é sempre bom. De um lado temos a continuidade, o desdobramento das coisas boas, que não podem nem devem estagnar. Do outro temos a ultrapassagem, o cruzar a linha e deixar que reste junto da nuvem de poeira tudo o que não serve, não pode, não deve ou não acrescenta...

Se fosse fácil não seria prerrogativa de uns poucos corajosos. Se fosse fácil não teria graça.

Super beijo.

Tatiana disse...

Oi Eliane...

Virar a página é acreditar que novas histórias serão escritas nos capítulos da vida!

Não sou de deixar recados colados em blog, mas esse é por uma boa causa.
Fiz parcerias com amigos e gostaria de saber a sua opinião sobre o trabalho.
Aproveito para te deixar um beijo carinhoso e o desejo de uma semana muito especial!

Serpente d´água disse...

Também acho muito difícil esse negócio de virar as páginas. Concordo que elas precisam ser viradas para dar vez a um novo capítulo, uma nova página que seja. Muitos vezes gostaríamos mesmo de apagar algumas coisas, muitas coisas ou de viver uma outra vez aquela experiência boa que nós marcou para sempre. Tem um livro por aí, intitulado "O poder do agora" que me faz pensar. Sei que o passado é importante, é a minha história e suporte mas é ontem e na verdade o que cada um de nós tem de concreto é apenas o "agora". Então, aqui e agora estou bem. O que vem em seguida ninguém sabe e não adianta encucar!. bjos

Maria Cecile disse...

Eliane, virar a página é muito bom. Já pensou se pudéssemos também arrancar as páginas "amareladas", rsrsrs.
Mas falando em Rio, isso foi um presente de natal antecipado para muita gente.
Te vi no Robinho... obrigada pelo carinho!
Beijos de boa noite!

Eliane Furtado disse...

Olá turma do sereno. Logo que puder estarei visitando e conversando com todos vcs.