terça-feira, 18 de maio de 2010

"Minha vida é andar por este país..."



Tem uma matéria ótima hoje em um jornal carioca que fala sobre sobre o dinamismo e a vitalidade de uma grande metrópole, e tudo que ela nos proporciona em termos de programação variada. E é claro que cita São Paulo.
Para nós que nascemos em uma grande cidade, uma capital, é complicado viver e entender as cidades menores. Será mesmo? Bem no meu caso que nasci elétrica e não consigo contemplar o céu por mais de meia hora, é um desafio viver no interior. Um desafio que ao mesmo tempo me fascina. Vá entender o ser humano.
Tirei uns dias para andar por aí. E é claro que me embrenhei pelas estradas e pelas lindas cores e formas das cidades deste país, que aliás é mais que exuberante e bárbaro. É encantador. E pertence a um povo acolhedor, bem humorado e bom. E é nas pequenas e medias cidades que descobrimos um Brasil de personagens extraordinários que nos surpreendem com suas histórias fantásticas, um sotaque delicioso e expressões que, nós da grande cidade, adoramos conhecer.
Nos primeiros dias de minhas andanças já conheci de cara o seu Fubá. Claro que ele tem nome, mas na cidade não interessa. Aliás se a gente procurar o Fubá pelo nome, ninguém vai saber informar. É maravilhoso encontrar estes personagens, estas pessoas ricas em conteúdo e simplicidade.
Tudo nas pequenas cidades atraem os agitadinhos das grandes metrópoles. E desperta em nós uma vontade enorme de sair da loucura e viver este Brasil ainda desconhecido por muitos brasileiros. Hoje amanheci respirando ar puro, olhando as montanhas e o verde de uma das cidades que mais tocam o meu coração.
E por falar nisso um simpático garçon me perguntou se eu era mineira. Falei que não. Mas uma das engraçadinhas ao meu lado falou que era, uai . E ele desconfiado mandou na lata. -"Sabe o que é "uai"?" E a espertinha da metrópole respondeu: -"Claroooo. Uai é uai."
E ele olhou olhou e disse. -" A senhora não é mineira. Não sabe o que é uai."
E para turma que nem descofia o que é "uai", um recado do seu Zé:
"Uai é união, amor e inteligência." Simples assim.
Eu sai às gargalhadas do restaurante e hoje decidi contemplar o céu por mais de meia hora.
Bom dia meus queridos e queridas. Já não sei viver mais sem nossos encontros diários.

18 comentários:

Dragão mineirim disse...

Ocê oiando pru céu meia hora?
To ti disconhecendo mai do jeitm que ocê tá incantada com as belezuras do Brasil inté é capaz di consegui ficá sussegada 5 minutm e óia lá!

Fiquei mto interessada no Fubá, já pensou naquela Hora , FUBAZIM MEU AMORRRRRR!

Este povo é tdo de bão basta oiá preu, mineirinha de Paraíso.

Lulu disse...

Bom dia, Eliane, bom dia blog querido. Você nasceu numa grande cidade, eu nasci no hoje menor estado do Brasil (antes era o estado da Guanabara). Realmente, a diferença é gritante. Eu não sei se me acostumaria a viver numa cidade como Rio, São Paulo, Salvador. Aqui em Aracaju, uma capital com ares de província, nós nos damos ao luxo de ir trabalhar, voltar para almoçar em casa, tirar uma soneca e voltar para o trabalho. Tudo é perto. Eu, por exemplo, saio para o trabalho 20 minutos antes (e olhe que, em termos de Aracaju, é "longe" - fica a uns 5 a 6km de minha casa, já é periferia). Aracaju já chegou a ser considerada a capital de melhor qualidade de vida e tem a renda per capita mais estável do nordeste. Conheço muitas pessoas que vieram para cá a passeio - se apaixonaram e depois voltaram para morar. Nosso povo é considerado muito acolhedor e de muito calor humano. Muitos se referem a Aracaju como sendo um "paraiso". Um paraíso onde tem sol 300 dias por ano, uma enorme extensão de praia de águas mornas, a Orla mais bonita do nordeste (com quadras de futsal, tênis, basquete, voley, kartódromo, oceanário, planetário, parque infantil, lagos artificiais, inúmeros bares e restaurantes e uma excelente rede hoteleira) e - o que muita gente busca - muita tranquilidade.
A propósito, mandei para você (e para quem está mais na minha lista) um e-mail intitulado "O bom de estar em Sergipe". Você leu?
Mil beijos, tenham todos um excelente dia!

Kiki disse...

Paasei aqui, antes de sair para trabalhar. Achei interessante seu artigo pq lá fora me espera engarrafamento, irritação e principalmente pressa. Sou do interior, criada até 10 anos em cidade minima e adoro viajar pelo interior e conhecer até lugarejos. Mas......tudo na vida tem um mas, ne? Tenho uma amiga que mora numa boa cidade do interior e ela me diz sempre "se cidade pequena fosse boa, não existia cidade grande". É igual a bairro, vc acha q. o seu sempre é o melhor, mas quando vai para outro, termina se acostumando. Na vida, bom é onde estamos bem, não importa o tamanho, contanto que caiba nossos momentos de felicidade.

Rodrigo disse...

Bom dia "The Boss-Ph" !!!
Bom dia Blog !!!

A gente vai juntando histórias e vivências, experimentando enfim.
Nascido em família mineira, estudando em minas e mais tarde indo trabalhar em umaEmpresa que nasceu pelas mãos e idealismo de um Mineiro no coração de Minas.
Não daria noutra acabei mineiro por osmose (rsrsrsrs).

Sotaque etc, etc...

Os personagens que se encontra por ai forma uma grande experienciação que não se transfere não dá para enviar por e mail e testamento.
É nosso !!!

Apreciar o céu, a mata, descortinar estrelas, ouvir a natureza...

Adoro tudo isso, adoro meu interior!!!

Beijos,

Rodrigo

Dragão Viajante disse...

Dia Kiki e Rodrigo, dia procês!
Precisamos fazer uma EXCURSÃO DO BLOG e claro com nosso doce e lindo VALDECI mas temos tb agora o FUBÁ de Lili, topam?

Vamos ao Sítio do Jeca tatú e visitar as GERAIS de cabo a rabo e já sabem, todosssss voltaremos rolando pq a balçança vai explodir e não caberemos na van, rs,sr,sr,rs,rs, inté mais cumpadis!

Eliane Furtado disse...

Kiki, concordo com vc. O lugar pode ser mágico ou uma roça qualquer. A diferença está na companhia, nas companhiaS, nos laços de amor e amizade. E aí tudo é lindo, cor de rosa, azul bebê e cheio de magia.
Bom trabalho

Eliane Furtado disse...

Lulu -Já está na agenda...a doce e calma Aracajú.
Aliás o nordeste todo é de+!

Eliane Furtado disse...

Rodrigo, deixa de ser mineiro demais e prosa ksksksksk. O Brasil não é só as Gerais. ksksksksks
Imgina o dia que o presidente for mineiro...
Vou ter que te aguentar. ksksksks
Mas depois da linda surpresa que vc fêz no dia do niver do Blog, aguento tudo. Ou quase tudo.

Eliane Furtado disse...

Excursão do Blog? Hotel Fazenda...topam?
Pessoal,quem sabe a fempresa de Rodrigo PATROCINA?

Dragão Mineirim ORGULHOZIM disse...

A empresa do Rodrigo PODEEEEEEEEEEE!!rs,sr,rs,sr,rs, SER MINEIRO É O MÁXIMO, sorry galera mas MINAS GERAIS É "O ESTADO" mais lindooooooooooooooo do Brasil e que povim bãooooooo dimaissss sô e isto sem falar nos queijins, goiabadinhas, curauzim, pamonhas, feijãozim na lenha e claro, nas MORENAS E MORENOOOOS das Gerais!

Silvana disse...

Bom dia Blog, bom dia Lili, adoooro cidade pequena se for mineira então nem se fala, não existe povo mais acolhedor do que mineiro, como vc sabe fiz o caminho contrario sai da cidade grande e vim para uma de 150 mil habitantes à 30 anos atrás, e que fica fronteira com Minas, na verdade Franca é mais mineira do que paulista na maneira de ser dos seus habitantes, eu sinto falta de algumas coisitas que aqui não tem pricipalmente cultural, mais Ribeirão Preto é aqui do lado, quando quero agito vou para lá, quando quero paz e dolce far niente, vou para Minas, mas do que ótimo. Beijos

Eliane Furtado disse...

Este blog é nacional, internacional ksskksksks
Mineiro é que nem japonês. Invade tudinho.

Silvana disse...

Eu topo excursão do Blog, para qualquer lugar...to nessa se sair. Beijinhos

Zel Cozinhadôôôraaa!!! disse...

Uai, uai, Sampa chamando Minas Gerais, sô!!!!!!!!!

Queridas, aproveitem muuuito e divirtam-se com as prosas e passeios!

Aqui vai uma receitinha pra vcs fazerem pro Fubá:

RECEITA CAZÊRA MINÊRA E MÔI DI REPÔI NU ÁI E ÓI

INGRIDIENTE
5 denti de ái
3 cuié de repôi
1 cuié de mastomati
Sá agosto

MODI FAZÊ
Casca o ái, pica o ái, soca o ái cum sá.
Quenta o ái socado no ói quenti.
Pica o repôi beeemmmm finim;
Foga o repôi no ói quenti junto cum ái fogado,
Põi a mastomati i mexi cum cuié pra fazê o môi;

SIRVA CUM RÔIS E MELETE!!!!!
HUUUUMMMMMMMM!!!!!!

É bõõõõõm dimais da conta!!!!

Beijos paulistanos (vichiiiii, vida doida)
Zel

Maria Cecile disse...

Boa tarde, Eliane. Vc sempre musical, não é.
E com esse título a música já me veio à memória, melodia, letra...

Minha vida é andar por esse país
Pra ver se um dia descanso feliz
Guardando as recordações
Das terras onde passei
Andando pelos sertões
E dos amigos que lá deixei
Chuva e sol
Poeira e carvão
Longe de casa
Sigo o roteiro, mais uma estação
E alegria no coração (...)

Acho que vc pode adicionar mais uma profissão ao seu currículo: DJ Blogueira. rsrsrs. Adoro tudo isso!

Beijos e boas “vigílias” celestes.

Bubby disse...

Eliane e Blog,

Esse mineiro curtiu com as cariocas!!!!

UAI! Exprime surpresa, espanto, ou terror!!
Por exemplo, mas que trem bão uai!

Ele deve estar na roda de porrinha, contando do trote que passou nas cariocas!!!!

Uai, mas que elas acreditaram, acreditaram mesmo. . .tolinhas uai!

Bubby sabe Bubby diz!

Eliane Furtado disse...

Tarrrrrrde povo que gosta da roça. Já estou de mochila nas costas cantando a música 1que a querida Cecile postou: "sigo o roteiro com a alegria no coração."
Bubby sabe mesmo o que diz? kskskskssk
Silvaninha, alerta e pronta. Como eu.
e para concluir, Zel tem certeza que isto vai dar certo? Esta paulicéia...ksskskksks
Inté cumpadre e cumadres. beijos.

Flora disse...

Lili, vc tem razão.. precisamos respirar um pouco deste ar do interior...faz bem a alma como tb a palavra stress lá não existe nué uai!bjusss