segunda-feira, 5 de julho de 2010

A lágrima


Se tem algo que sempre me comove é ver alguém chorando ou sofrendo. Quando criança eu era chamada de "manteiga derretida." Chorava por tudo. Sinto que não melhorei muito. Sinto não, não melhorei. Nos últimos anos, acho que piorei mesmo. Tudo me toca profundamente. Tento me conter, mas não consigo. As situações de dor me atingem muito. Especialmente a dos outros.
Semana passada sofri muito com a americana que atravessava a rua, no Rio, e voou pelos ares por causa da explosão de um bueiro. Sofri também ao ver uma senhora de idade entrar em um hospital com o fêmur quebrado e ficar um mês aguardando providências em cima de uma maca.
Outro dia fui dar uma entrevista para o Canal Futura e tudo ia bem quando a repórter tocou em uma ferida escondidinha. Eu me lembrei de uma frase de minha mãe e o que aconteceu? Buá, buá... Tive que me recompor rápido.
Nesta segunda-feira, ao abrir meu email, dou de cara com uma notícia que me aperta o coração. Uma de minhas guerreiras, que deliza pelos lagos da vida, atravessa um momento delicadíssimo. Pronto, às seis da manhã meus olhos ficaram marejados de lágrimas.
Existem alguns psicológos, profissionais de recursos humanos e muita gente por aí que considera que as pessoas que choram muito e/ou em público são fracas e não tem o domínio necessário para assumir a vida. Não acredito. Esta "máxima" depende muito de pessoa pra pessoa. Existem sim os fracos que choram por tudo ou de chantagem. Mas existem aqueles que se emocionam com a dor dos outros, que choram porque tem um coração maior que tudo, choram porque precisam desabafar com alguém.
Por isto as lágrimas de Julio César, o goleiro( só as dele), me emocionaram. Foi a cena que ele depois de se conter o quanto pode, de dar dezenas de entrevistas, entrou no carro e desabou no colo da mãe, já em sua terra, o Rio de Janeiro. Lágrimas de dor, de pressão, de se sentir culpado pela derrota, de desabafo.
Chorar não faz mal. Podemos chorar de raiva, indignação, de tristeza, medo e alegria. Só não podemos exagerar. Porque, segundo dizia Dona Linda- guru da minha infância, chorar causa rugas. Será?
Uma semana com muitas alegrias e risos, depois de algumas lágrimas necessárias.
E eu aqui peço orações e luz para todos(as) os (as) guerreiros(as) que esta semana tentam e vão superar os grandes desafios impostos pelo inesperado. E sem chorar.
Bom dia amigos.

25 comentários:

Papoula da Babilônia disse...

Viu só Lilizinha como colinho de mãe é tudo???
Me tocou fundo também a dor do Júlio, aliás este nome sempreeeeeeee me toca pq será??kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
Tb sou muito emotiva e há momentos que não dá, as lágrimas descem e deixo rolar, fico mais leve e seja lá qual for o motivo fica mais fácil de entender.
Se chorar realmente causa rugas hummmmmmmmmmm, to ferrada, pq como vc sabe e nossas miguxas tb choro até por estar muitooooooo felizzzzzzz então, cremes anti-rugas e lá vamos nós!

Uma semana encantadora para vc sem lágrimas pq só estou aceitando atulamente as de FELICIDADE, viu?
Inté Cumadi do Chapéu.

Eliane Furtado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eliane Furtado disse...

Tem nomes que nos tocam porfundamente não é? Para sempre.
Uma semana sem dor, sem lágrimas, com muita coragem e força.

Chica disse...

Tambémsou chorona e choro até em comerciais que me tocam...Faz bem e desopila.Numa das últimas novelasque consegui acompanhar,quase morri, pois nãoqueriachorar...Tranquei ,tranquei e por pouco me fui.Tive um troço...O amior susto.Agora choro que me lavo e dane-se quem estáperto,srsr...Mas temos que chorar por emoções, coisas assim, porém há choros que não valem...Quando apenas choramos e não fizemos nada pramudar as coisas,né? beijos,linda semana,chica

Cecile Azambuja disse...

Bom dia Eliane, Papoula Babi e blog.

Acho que chorar é tudo de bom. Limpa os olhos, lava a alma, desafoga o coração... e rejubila a vida quando é de felicidade.

Eliane... no caminho da vida sempre há pedras, uns buraquinhos aqui e acolá e que de vez em quando nos derrubam. Mas apesar dos tropeços a gente se levanta e segue andando, ou pelo menos tenta. rsrsrs

Eu também fiquei muito chateada com as notícias da semana passada.

Mas... vamos em frente tentando consertar, ajudar, diminuir as pedras e os buracos nossos e dos outros.

Boa segunda pra todos com muito sol e flores no caminho!

Maria "A Carioca" disse...

Cheguei a conclusao q chorar e muuuuito bom.
Lava a alma, acalma e neutraliza a raiva.
Quem quiser chorar, mas não esta conseguindo naturalmente, veja
"Por Amor" de manoel carlos na reprise do canal Vida da Net.
Kkkkkkkkkkkk e de doer o drama todo.
Bom dia, Lili
Bjs

Vera do sulll disse...

Querida Eliane e Blog!
Chorara..... Como já escrevi no Presente, com relação aos meus perengues não chorei,me parece que é melhor que sejam comigo do que com as pessoas que amo, da minha família, me parece que sei resolver melhor , talvez eu seja "metida".... Agora não assisto filme, cena de novela , criança chorando pq choro junto....não quento... Como digo para o anjo da minha vizinha, eu não posso começar a chorar, porque o dia que isso acontecer eu tenho medo de não parar....
Nosos bons pesamentos e muitos desejos de "tudo certo" para a amiga Rô que inicia outro tratamento. Já avisei os meus santinhos...
Pra você Eliane grande mulher escritora e uma fortaleza, meus bons pensamentos e minha recomendações aos meus anjinhos também. Quando você escreve o nosso coração, precisava ler o que foi postado.
Beijos sentidos ao Julío goleiro e a Lúcio os demais......tchau!!!!
Bjs do sul ensolarado ,lindo convidando vcs a nos visitaremmm

vera atrapalhada disse...

Leia-se choiara e guento...escrever e ver tv dá nisso..

Papoula preparada de RODO NA MÃO disse...

Liliiiiiiii, correeeeeeee queridoca, acho que o blog hoje será INUNDADO, quantassssssss choronasssss r,sr,sr,rs,sr,sr,sr,sr, já estou de RODO na mão para enxugar o blog pq aqui é lugar de ALEGRIA, CHORORÔ não pleaseeeeeeeeeeeeee!rs,sr,sr,sr,rs, brincando viu meninas queridas?

Vera, estamos sempre na torcida e desejo de coração que tudo corra bem p nossa querida Rô, beijinhos ESPECIAIS p ela e vc tb, conte com nossas orações pela VITÓRIA!

Isabel A. W . De Nonno disse...

Eliane,

Te entendo muito bem. Choro por cachorro perneta, cego, criança, por vocês, por nós, por tudo aquilo que de alguma forma não tenho controle. A se eu pudesse fazer diferente, e se pudesse controlar o inesperado... é muita pretensão da minha parte, mas bem que eu gostaria.
Assim como você, quase chorei com o Julio Cesar, foi realmente comovente.
Minha orações segue com todas as guerreiras, e a esperança da cura não para!

Uma boa semana e que ela seja só sorrisos, porque rir ainda é o melhor remédio.

Beijos,

Isabel.

Mario disse...

Sim, uma ótima semana Eliane.

Beijos.

Eliane Furtado disse...

Que bom ver vcs aqui nesta segunda.
Boa tarde Chica, eu já ando observando como vc é sensível. Laços comuns.
Cecile,muitas pedras. Mas não quero construir um castelo. Quero tirá-las do caminho.
Carioca sEmpre choramos juntas.Mas rimos mais não é?
Veroca, pra aliviar minha choradeira, ando fugindo de filmes que acabam comigo ksksksksks
Só comédias, só comédias.ksksksks
Oi Isabel...segunda começou com pé direito neste Blog. Vc me fêz chorar. Esperança que não pára. Orações,fé e copragem para todas as guerreiras e guerreiros.
Sempre. Um beijo querida.
Papoula, cheguei.emocionada para variar.

Eliane Furtado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eliane Furtado disse...

Mário? Heheehheehhehehehehehe
Agora juntos aqui também.

Flora disse...

querida Lili,tb sou chorona..emotiva e tem momentos que não consigo conter as lágrimas...nasci assim e vou até o final assim..e pessoas sensiveis as lagrimas aparecem faceis... não é ser fraca mais sim fortes no amor..bjus

Eliane Furtado disse...

Flora querida. Acho que vou abrir uma Associação...das choronas. beijos e saudade.

Eliane Furtado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mario disse...

Sim!

Agora estamos conectados por aqui também

:D

Beijos!

Bubby disse...

Chorar realmente é bom, ver alguem emocionado por atitude nobres é fantástico, porém, quando se descobre que são lágrimas de crocodilo aí é complicado.

Bubby sabe Bubby diz

Zel Bengalinha Buáááááá disse...

Alô, alô, Sampa chamando Rio!!!!!
Boa tarde EWliane e Blog charmoso, e um tanto úmido, buááááááááá!!!!

Estou como a Papoula, de rodo e panos, enxugando lágrimas. Sou meio chorona mas ultimamente tenho até conseguido me controlar um pouco mais, afinal, chorar muito enruga, hehehehehe...
A dor, tristeza, a fome, a miséria, a perda da dignidade, a destruição gratuita, o sofrimento alheio, me emocionam profundamente. Mas a alegria tb me emociona e por isso tb choro de felicidade. Podeeeee? Vichiiiiiii, vou ficar cheia de rugas! Affff...

Beijão
Zel

Maria "A Carioca" disse...

Acho que ninguem aqui pode assistir Shrek!!
KKKKKKKKKKKK
Choramos muito mesmo, mas sinto uma saudade, hein? Rainha absoluta da Set????
Bjsbjsbjs

Eliane Furtado disse...

Bubby voltou. Ôba.
Zelll, pede para Rô de Sampa bordar um lençol aí -nossas lágrimas. kskssks
Blog ficou mesmo meio úmido mesmo. Vou ter que falar sobre o riso.
Carioca, nem me fale, nem fale em saudade. Sua, da Set, e daqueles almoços.
Hoje falo em expectativas. E um desejo enorme é ter vc de novo ao meu lado trabalhando.

Eliane Furtado disse...

Conectadíssimos Mario.

Anônimo disse...

CHORAR FAZ MUITOOOOOOOOOO BEM!
BOBOS OS QUE DIZEM QUE CHORAR FAZ MAL!
COMO AGUENTARÍAMOS TANTAS EMOÇÕES ,BOAS OU RUINS SE NÃO CHORARMOS???O CORAÇÕA NÃ AGUENTA.
SOU CHORONA ,MAIS SÓ QUERIA MESMO É CHORAR DE ALEGRIA!
MAIS, CONTINUEMOS A LUTA,MINHA IRMÃ VAI SAIR DESSA!!OREM POR ELA !!BJS!!
LUIZA.

jungleworldcitizen disse...

Primeiríssimo, obrigada pelos parabéns, tava comemorando até hoje, hehehe =) O marido fez todas as minhas vontades, a família toda ligou e fez festa pelo telefone e, surpresa boa, você também lembrou, eu vi o comentário e apesar desse post ser sobre lágrima, você me trouxe um sorriso =)

Quanto as manteigas derretidas eu também não consigo ver ninguém chorando e a dor dos outros passa a ser minha também =(
Eu ouvi o jogo do Brasil no rádio pois estava na estrada, e só peguei o finalzinho, a locutora histérica gritando "Dois a um!" e eu com meu alemão capenga não sabia de quem era o "dois", mas na mesma hora uns amigos ligaram pra avisar (muy amigos, hehehe). Deu vontade de chorar, mas lembrei que gostoso mesmo será ganhar a próxima Copa...