quarta-feira, 14 de julho de 2010

Ah as preocupações...elas nos deixam doentes!




Minha linda e peralta cachorrinha Kinsei me deu um susto danado nos útlimos dias.Muitas vêzes penso que foi uma opção não ter filhos. Se sofro desesperadamente por um cãozinho e até esqueço de mim e das minhas dores, imaginem com um filhinho. E não tenho enteados. Acho que seria assim também com um enteado: preocupada. Sou preocupada com tudo e penso que isto me levou ao quadro que hoje vivo. As preocupações exageradas matam. Minha família é assim, toda preocupada.
Mas Kinsei não pára e quando ela fica molinha e com aquele olhar triste, o que é raríssimo, ah aposto que tem algo no ar. Kinsei tinha mesmo um problema, que -como eu foi detectado logo- e assim, lá se foi o dinheiro que não tinha, comida especial, muito carinho e boa "vet." Ela começa a abanar o rabinho, quer dizer rabão, a seguir quem ama e está com bom apetite. Bom sinal diria meu pai médico. Cachorrinhos fazem check-up, ressonâncias e são iguais a gente. E amam viver. Hoje li, que um dono desgraçado ( me desculpem) deu seis tiros em seu cão Sarge, e ele sobreviveu bravamente. Foi nos Estados Unidos na cidade de Toledo. Sarge como Kinsei Hime amam a vida. E lutam como eu, como a amiga Cisne, como Rosária de Sampa, Linda Z e todos(as) Guerreiros que estiveram ontem ao meu lado. Aliás como todos vocês.
Parece que dar tiro em seres humanos, matar alguém virou a forma mais banal de se livrar de alguém ou de um bichinho. Mas tudo indica que o mundo ainda tem salvação. Li hoje que uma madastra, Eva Vilma da Silva, de 27 anos, topou planejar o nascimento de um filho para salvar o enteado que ficou tetrapéligo depois de um acidente aos 18 anos. Eu faria o mesmo. A família congelou as células-tronco do bebê e aguarda esperançosa que um dia novos tratamentos vão surgir. Amém.
Bom dia amigos, quarta de friozinho e chuva no Rio, frente fria em todo o Brasil, dia de reencontrar os amigos do se Liga Rio, na Radio Globo, dia de seguir em frente não importa os resultados que a vida nos apresente. E "good morning" aos meus blogueiros de todas as partes do mundo que me honram com suas visitas.
Nas fotos - Kinsei, a peralta - duas claro, dona coruja.
E Sarge, exemplo de luta de vida!

13 comentários:

Chica disse...

De verdade amamos nossos bichinhos e os queremos bem.,Temos que saber cuidá-los e respeitá-los na alegria e doença também,né? Um beijo, tudo de bom e após 6ª estarei em férias.mas volto...e que fiques bem,tá?chica

Papoula adora dia de chuva disse...

Eita mundão, como tem gente má , credooooooo!
Não sei pq tem pessoas que compram ou adotam animais se não gostam deles afinal de contas ninguém é obrigado a ter um, né mesmo?
Kinkin nossa preciosa e linga sapecuxa, gulosa e bagunceira já, já vai estar bem fazendo a farra costumeira e quando ela estiver cem p cento vou fazer um PUDIM só p ela e nem pense em falar nada pq vou fazerrrrrrrrrrrrr rs,sr,sr,sr,sr,sr,rs,rs,rs,sr, quero ver ela e o lindo Shirôzinho se lambuzarem p fazer lindas fotos da dupla.
Vamos fazer BOLINHOS DE CHUVA hoje p nosso lanchinho? O dia está magnífico p isto e um cházim, vamos cumadi?rs,rs,sr,sr,sr, beijns e inté mais bijuzinha.

Eliane Furtado disse...

Nem que não gosta de animais dá tiro né?
Férias? Também quero! Pelo menos umas viagens curtas.
Aproveite Chica. Muito, cada segunda, e obrigada por esta linda e energética companhia.

Eliane Furtado disse...

Lanchim hoje? Vou precisar mesmo de uma boa companhia neste dia. Ai Ai.
Ando preocupada com a peralta Kinkin. Depois deste tratamento "gourmet vip" - caldinhos, franquinhos desfiados, inhame , cenourinha e xuxu batinho, canja...será que vai voltar a ração? Um desafioa mais!
Vai atacar além do pudim, tudo que ver pela frente. Danadinha gulosa. Puxou a alguém?

Cecile Az disse...

Bom dia Eliane!

Eu aprendi em dramaturgia que uma forma fácil de vc mostrar o perfil de uma personagem é vc colocar ele maltratando um animal. Só um chute num cachorrinho em cena vale mais que muito diálogo para mostrar o caráter da personagem na trama.

Cuide bem dos seus filhinhos, rsrsrs. Afinal, fala sério, eles moram com a mãe biológica deles? não. Então, dá-lhe carinho materno. Aconchego, chamego...

Já tive um dog e sei como a gente sofre quando estão doentinhos.

Amiga, vc é uma flor. rsrsrs. Obrigada pela carinho. Beijo e continue assim sempre iluminada sob chuva ou tempestade! bjs.

Eliane Furtado disse...

Cecile, uma fflor...que linda e bondosa imagem. Já fui chamada de flor um dia...faz muito tempo.
Hoje, tenho que lhe confessar, depois de umas nótícias minhas, a flor está murcha.
Enfim...a vida.

Vera do sulll disse...

Querida Eliane e Bom dia Blog!
Compreendo perfeitamente o teu carinho -AMOR por teu cães. Tenho um gato Freddy que é danado, às vezes apronta, briga fica machucado, já perdeu a cauda (não sei como) mas tive que operá-lo e é muito temperamental. Só faz aquilo que quer e quando quer e como quer. Amo essa determinação não se dobra e muitas vezes mede forças comigo e por "vingança" se é que existe,faz xixi em lugar errado, mas Amo esse bichano mesmo assim. É um persa com himalaia castrado , cinza com olhos amarelos muito lindo,mesmo sem rabo....
Tenha um lindo dia , e uma ótima recuperação , procure descansar e pensar um pouco mais em você.
Muito frioooooooooooo.
Bjs

Fatinha disse...

Ah esses caezinhos...chegam em nossas vidas e nos conquistam logo,logo...
O Antonio Pedro ganhou uma schnauzer,muito linda e carinhosa.
Tati,é o sucesso da casa!
Depois posto fotos!
Lili , assim é 0 amor, com preocupações e recompensas.
E vamos em frente esperando por momentos felizes com os seres que amamos.
Beijo

Maria "A Carioca" disse...

Kinsey!!!! Cachorra boa, de samurai!!!!!! Guerreira mesmo.
Vc sabe que o cão é a imagem do dono???? Pois é.......tal Kim kim, tal Lili.
Eu gosto de uma coisa que aprendi outro dia, banal, mas q nunca pensamos. Substituição! É.....quando ficar preocupada, substitua este alimento por outro, tipo gargalhada. No inicio é dificil, bem dificil, depois garante a autora....fica fácil para caramba. Tanto que as pessoas começam a pensar q ficamos doidos, alienados, mas isso não importa....o importante é que a saude agradece!!!!!!
Saudades Eliot!!!!!!!
Bjsbjsbjs

Zel Bengalinha Paulistana disse...

Alô, alô, Sampa (frioooo) chamando Rio!
Olá Eliane, Olá Blog!
Mas tem gente ruim neste mundo, afffffffff... Quem não gosta de animais não os maltrata, então os que matam e maltratam, sem piedade alguma ou arrependimento (pois são capazes de repetir o feito várias vezes) são psicopatas completos...
É uma barbárie!

Espero que Kinsey se recupere logo e possa comer esse pudim, hummmm, da Papoula!
Olha, daria muita coisa para tomar o cházinho da tarde, hoje, com vocês e trocarmos os tricôs.
Maria "A Carioca", gostei da idéia da substituição que mencionou. Muito interessante!

Beijos
Zel

Eliane Furtado disse...

Vera, Zel, Fatinha, Carioca, tantas queridas . Divertidas, inteligentes e que me dão uma gás. Hoje estou precisando de muito gás. ksskksskks
Zel , Carioca é jovem e sábia. Preciso dela demais e de vcs para tocar projetos, alegrar o espço e trocar afetos.
Um linda tarde para todas.
Ótimo começo de noite.
Voltei da radio Globo cheia de boas energias e carinho. E de um debate delicioso e alegre.
E queridas, minha kinsei -soube agora por telefone - que não quer só canja, fígado e legumes mais não. Ando fuçando a comidinha do meu amado Shiro. Bom sinal.
Gulosa, levada, alegre e se levanta dos tombos.
Como diz a Carioquinha...será que se parece mesmo com a dona?

Lulu disse...

Eu também passei uma temporada preocupada com minha filha canina. Minha filha humana, que faz tudo o que ela quer, a leva para tomar banho de mar, passear de carro e outras regalias mais, viajou e passou quase 1 mês fora. Nossa, ela ficou super deprê e logo, logo, estourou uma piodermite das brabas. E aí haja antibiótico, anti-histamínico, banhos diários com shampoo de peróxido de benzoíla... só agora é que ela está começando a melhorar.
Mas a sua cachorrinha Kinsei, Eliane, com certeza já está praticamente boa e logo, logo, estará lhe alegrando com suas peraltices... esses nossos filhos caninos têm um poder de recuperação inimaginável. Assim como suas donas guerreiras.
Beijos para todos, boa noite, bons sonhos.

Tico e Teco da Jane disse...

Ai coitado do Sarge!! Eu tenho o Peanut Butter... meu baby de 1,5 Kg... um Yorkie muito gostosinho e grudado em mim. Ai, deixei meus outros no Brasil, mas, não me imagino vivendo sem um amigo de quatro patas! É muito gostoso ver o quanto eles sao inteligentes, sensiveis e carentes!
Bom fim de semana pra voce, Eliane!!
Deus abencoe a todos!!