segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Ser cafona é ser feliz!



Segunda feira de chuva no Rio. Às vêzes as situações da vida são cordas esticadas, "oito ou oitenta." Uma hora está tudo bem, na outra, lá vem o estouro da boiada.
A semana toda que passou, a midia se ocupou de duas manchetes bem diferentes: do apagão e da estudante de São Paulo, a já "famosa" Geisy Arruda. Notícias bem diversas. Por causa do vestido rosa( e dos coxões), a garota levantou os instintos primitivos de estudantes da universidade onde estuda. Esta história ainda me cheira mal. Não posso acreditar que o tumulto tenha sido por causa disso. As provocações de ambos os lados já devem vir de longe, muito longe. Enfim este não é o ponto. O ponto é que aquele vestidinho era ou não era cafona? Mas o que é ser cafona?
Que atire a primeira pedra quem nunca sofreu por amor ao som de uma música bem melosa, comprou um souvenir de gosto duvidoso em uma viagem, combinou uma roupinha de forma curiosa?! Esta história de ser cafona atrai. Na cidade fluminense de Três Rios, o baile anual do cafona é um dos mais concorridos e vem gente de vários estados para participar. Nesse dia, a galera aproveita e solta seu lado cafonérrimo. Será que a cultura cafona está no código genético do brasileiro?
A socialite Carmem Mayrink Veiga diz que entre uma bolsa falsificada e uma legítima, a diferença está em quem usa. Uma de minhas louras amigas garante que chique é ser cafona. Outra assídua blogueira garante que nesse domingo, um dos melhores shoppings do Rio parecia um lugar dos horrorres de tanta cafonice. O calor e o o verão inspiram não é?! ksksksksksk
No fundo, de cafona nós todos temos um pouco. Assumir, no entanto, esbarra na questão de classes. Hoje em dia fica cada vez mais difícil dizer o que é de bom ou de mau gosto. E depois do episódio e da fama da estudante Geisy, está na hora de comprar um vestidinho rosa.
Bom dia Blog chique, de homens e mulheres sofisticados.

27 comentários:

Dragão ANDA NA LINHA disse...

Concordo plenamente com a Mayring pq já vi ao vivo e a cores, pessoas mto elegantes com coisas duvidosas mas nestas criaturas ficou divinooooooooo!
Já passei p esta experiência tb há mtos anos com uma roupa bem verão e super simples comprada no SAARA p um precinhooooooooooooo inacreditável e na empresa onde eu trabalhava acharam O MÁXIMO e lógicoooo q eu disse que havia comprado em SAMPA, cidade q mesmo em dias calorentos a galera está sempre muito elegante e aquiiiiiiii, affffffffffffffffff, é o inverso, show de horrores mesmo!

Qto a este CAUSO do vestidim da coxuda concordo com vc, tem algo mais por baixo deste vestidim, isto não era motivo para aquele teretetê todo pq as faculdades estão lotadasssssss de shortinhos, mini saias, TEM CAROÇO NESTE ANGU!

Dragão e a festa do CAFONA disse...

Liliiiiiiiiiii, que tal nossa festa de Natal ser a festa do CAFONA??? Nossaaaaaaaaaa, vamos nos divertir muitoooooooooooooo, vamos combinar com a tchuma, se já rimos a toa IMAGINA COM "OS MODELITOS", será como diz um dos meus filhões gigantes, SHOW DE BOLAAAAAAAA, vamos combinarrrrrrrrrrrrrrr!!!

Ameiiiiiiii a idéia, estas festas são sempre mto divertidas.

Elaine disse...

O que é ser cafona?? Isto é muito relativo. O conceito varia de pessoa para pessoa. O que é cafona para mim, pode não ser para outra pessoa. O importante nisto tudo é sabermos respeitar as diferenças. O mal não é ser cafona, é não respeitar o diferente. Aliás, para mim, isto é ser cafona!!
bjs
Elaine

Eliane disse...

Bom dia, bom, bom dia Dragão chique. Chique? Sei não...Saara? Bem, o Saara é mais que chique, tem estilo. Vovô foi um dos pioneiros por lá e era chiquérrimo. Um lorde nos atos e nas roupitas. naquele tempo Dragão!

Eliane disse...

É querida, isto é lindo, maravilhoso, mas os primitivos não sabem ser politcamente corretos. Pior é que quando se acham finos e agem estupidamente.

Dragão conhece o SAARA como a palma da mão disse...

O SAARA tem coisas incríveis, é só procurar q vc encontra coisas encantadoras, aquilo ali é minha praia, Chiquinha q o diga, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

Sabe o q acho cafonérrimo??GENTE MAL EDUCADA, cafona demaisssssssssssss!

Lulu disse...

Bom dia, Eliane, bom dia, blogueiros e olheiros, pois é, eu fiquei pasma com todo aquele escarcéu que fizeram com a estudante da Uniban, noooooossa, o que foi aquilo? Verdadeiramente é o que podemos chamar de supra-sumo da cafonice! Parecia que estávamos no Paquistão... só faltou apedrejarem a menina! Eu, como psicóloga, entendo que o que lhe incomoda nos outros, na verdade está (de forma inconsciente) dentro de você, ou seja, você projeta na pessoa coisas que na verdade são suas, que você reprime, e aí passa a execrar esta pessoa (quando na verdade você está simplesmente execrando o que está dentro de você). E se isto ocorre em grupo, toma uma dimensão imensurável, pois seu ego se infla, você deixa de ser uma pessoa para ser todo o grupo, e aí o que rola é só a hipocrisia. E a expulsão da Geisy? A emenda ficou pior que o soneto, hahahahaha.... pegou mal pra caramba! Mas no final tudo se reverteu em favor dela, pois virou celebridade, fez o maior sucesso num shopping, todo mundo queria tirar foto com ela... com certeza vai receber um convite para pousar nua, de repente vai ser até convidada para participar do BBB10!
Tou com ela e não abro.....
Beijos para todos, tenham um excelente dia e uma semana proveitosa e feliz!

Bia disse...

Bom dia,

Concordo plenamente. "Ser cafona é ser feliz".
Uma vez atendi o pedido de um cliente que queria fazer o escudo do Grêmio-RS, em forma de mosaico, na área da churrasqueira da casa. Deu um trabalhão e mesmo sendo Inter, eu fiz... Nunca vi nada mais cafona do que aquele piso: 9.00 M² de pura cafonice, mas pra ele estava belíssimo!(não me peçam fotos... kkk)Bjs e ótima semana!

Eliane p/Lulu disse...

Lulu, o Brasil é preconceituoso, conservador e machista. Aquele episódio só mostra que nunca conhecemos de verdade as pessoas e seus instintos.

Eliane p/Bia disse...

Hahahahahhaha adorei. Esta história me lembra uma parecida. Em 2000 reformei a piscina lá de casa. Coloquei água quente, fiz uma cascanta linda que sai do vaso e inventei uma bossa no fundo. E o construtor foi logo falando. Dona Eliane,só não vou deixar a senhora colocar no fundo as iniciais do casal. Vai que a senhora separa um dia .ksksksksksksks
E o ódio contra mim?KSSKSKKSKS
eu nunca faria isto e nem tatuaria nome de ninguém em lugar nenhumksksksks
ps manda foto ksksksksksksksks
Conta mais caso

Rodrigo disse...

Bom dia blog, bom dia Eliane!!!

Essa de cafona é um pano para manga... Cada um na sua né mesmo??
Eu sou basicão mesmo, de uns tempos pra cá é que tenho ousado um pouco. Mas, nada extravagante nem muito cheio de "parangolé".
Com relação ao acontecido em SP, é realmente muito estranho. Pode ser que aqueles estudantes sejam uns manés mesmo. Contudo não fecha!
O vestido nem é tão curto assim e a estudante também não é lá essas coisas (gosto é gosto).
Enfim, cada um no seu quadrado.
A festa em Tres Rios, Baile do Cafona, é no último sábado de junho, realmente é muito legal é o agito da cidade.
Beijão,

Rodrigo

Vera Henke disse...

OláEliane!
Também vou contar um "causo" que aconteceu comigo na Escola particulçar que eu dava aulas de Biol. Certo dia bem frio, fui à escola com um terninho de lã verde abacate. Eis que uma colega minha bem RICA, cheia de jóias apareceu neste dia com um terninho também da mesma lâ. É claro que nós duas tínhamos comprado o tecido na mesma loja, só que as nossas costureira eram diferentes. Quando ela me viu disse esta frase em tom solene na sala dos professores "-Éo que dá comprar em loja de pobre".... Achei constrangedor para ela pq os meus colegas tiram o maior sarro da cara dela , só sei que nunca mais usei aquela roupa.... Para mim isto é ser mal educada diferente de ser cafona....
Bjs
Vera

Silvana disse...

Good....good, good, boa tarde Big Blog, tem gente que acha cafona.... o BBB claro!!! tem gente que acha cafona usar estrangeirismos, estou pouco me lixando kkkkk, a CMV tem razão, cafona é quem não sabe usar rsrsrsrsrs, adorei Dragão em quem é chique Saara vira Dior, e é verdade mesmo todo mundo tem seu lado cafona, mas não admite por vergonha, eu tenho o meu e quem me conhece sabe...mas vou contar para vocês, sabe aquelas coisa de plástico que imita cristal bico de jaca???? eu acho o máximo kkkkkk se não fosse tão cafona eu trocava meus cristais kkkkkkkk. Mas pulando para a saia justa da menina que estudava ou estuda na Unitaleban (Casseta e Planeta) como disse a Márcia Tiburi do Saia Justa isso vai muito além de preconceito ( o linchamento começou na entrada da universidade, com letra minúscula mesmo, por um grupo rapazes chamando ela de p......) é transferência kkkkkk no fundo no fundo eles queria ser como ela.....Beijos,beijos, kisses, kisses, bacci, bacci cafonanérrimos per tutti.

Eliane gosta dos básicos disse...

Boa tarde Rodrigo, Vera do sul, Silvana de Franca e do Leme.
Ser cafona é fazer o que gosta e se sentir feliz com isto.
Mas nada, nada como ser elegante. em tudo. Sempre. Nunca perder a linha. Nem sob pressão. E ser basicão é ser elegante Rodrigo.Veja Versace.
Beijos para o Sul e para Sil.

Bia disse...

Lili, mais "causos"? lembrei de um que ultrapassa, e muito, as raias da cafonice.
Uma vez eu estava trabalhando na instalação de um motel em uma BR do sul. O proprietário era um homem "terrivelzinho", mas cliente tem sempre razão e eu ia fazendo o meu trabalho...
Um dia ele me disse que queria ter na suíte nupcial uma cadeira macrobiótica. Eu fiquei pasma e disse a ele que não sabia o que era uma cadeira macrobiótica. Ele tentou me explicar..., mas como a explicação só complicava cada vez mais a situação, ele me disse que mandaria um funcinário dele tirar algumas fotos do motel mais luxuoso da região e aí eu ia ver a foto da cadeira. Nossa, aguardei ansiosa pelas fotos ...Dois dias depois chegaram...Cada uma era mais horripilante do que a outra. Tipo: cacos de espelhos quebrados como revestimento de paredes, plantas de plástico por todo lado, estatuetas de gesso, enfim, um horror. Aí chegou a vez da foto da cadeira macrobiótica e ele gritou todo animado...: - tá aí... é essa aí a cadeira. Pra mim era como um escorregador de 1 metro de altura todo estofado em cetim vermelho. Não parecia uma cadeira. Quando ele percebeu a minha ignorância, começou a explicar para quê servia aquele escorregador e aí eu pude entender que se tratava de um equipamento próprio para malabarismos sexuais...Então a cadeira macrobiótica era na verdade uma cadeira para malabarismos eróticos. Fiz 3. Também não tenho fotos...rs
Bjs

Fátima disse...

E o Suplicy , heim! Querendo pegar uma beirinha da coxuda!!!rsrsrs Não sei mais onde o nosso senador vai parar...Quer aparecer de qq maneira....
Usar o que gosta sem se preocupar se está na moda é um ato de coragem e personalidade!

Camélia da Filial do Inferno disse...

Boa Tarde e Boa Noite

Hortência

Cafona, brega seja lá o que for, deprimente é qdo abrimos os famosos álbuns de retratos e nos deparamos com coisas rídiculas que usávamos há algum tempo atrás. Qq dia farei uma linda fogueira com todas essas fotos. É de matar um.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Bjs mil
Camelinha em Brasa direto da Filial do Inferno

Dragão p Fatinha e Francana disse...

Fatinha, então sou extremamente corajosa e cheiaaaaaa de personalidade pq uso o que eu gosto e não tenho a menorrrrrrrrrr preocupação se está ou não na moda e p ser franca, uso o que me cai bem, nunca fui de seguir moda, uma coisinha ou outra!

Francana do Leme, vc disse tudo, tb acho q esta galera q agrediu esta moça estava toda com DOR DE COTOVELO p não ser audaciosa como ela, usa o q gosta, não tá nem aí p os outros e com esta palhaçada toda ela só saiu ganhando,tá certissimaaaaa e agora curtindo com a cara deste pessoal!

Dragão p Camelinha disse...

CAMELINHA NÃO QUEIME NÃOOOOOOOOOO, traz p cá qd vier e vamos fazer o FÍGADO CAQUÉTICO se dobrar de tanto rir, NÃO QUEIME, traga p nós, combinado?

Camélia direto da Filial do Inferno disse...

Dragão

Combinado. Faremos a farra da cafonalha, ok? Regadas com caipiriinha de Lima da Pérsia, e nada de chá, valeu?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Vamos nos acabar, vcs não podem imaginar a minha fantasia qdo pequena...
Deprimente.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Tem fígado que vai deixar de ser caquético rapidinho.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Camelinha direto da Filial Inferno

Sérgio disse...

Boa noite blog, boa noite Lili,

Gente o que é ser cafona ...????
A Carmen Mayrink Veiga é chiquerrima,....??? Vocês já viram como ela vai à praia ????
Enfim eu na verdade não sei o que é ser cafona, sempre compro o que gosto, agora a Carmen M V falou uma verdade, dependendo da pessoa você nunca vai saber se a peça que ela está usando é verdadeira ou falsa, bem, eu estive em São Paulo no final de semana passado, fui ao Festival Maquinaria de Rock, na Chácara do Jokey Clube, fiquei hospedado no Hilton Hotel (como convidado) e para não perder a viagem fui dar uma volta nas 25 de março, huuuummm belas réplicas de bolsas V.Hugo, Prada, KC e etc..., relógios, Montblanc, Rolex, imagina eu entrando no hotel com Enrolex no pulso, você acha que alguém iria por em dúvida se era verdadeiro ou não...? ... só não dá para comprar perfumes pq o resto é só alegria...RISOS ...
ET. Depois que me levaram meu ROLEX (verdadeiro), só compro réplica e olha que da para enganar muito bem ...rs......!!!!!

Zel adora souvenir cafona disse...

Alô, alô, Sampa chamando Rio!
Boa Noite Eliane, Boa Noite blog!!!!
Tema animado esse, não?

Acho que ser cafona é ficar se preocupando com o que é ou não cafona, ao invés de fazer o que realmente gosta.
O importante é ser feliz, ter luz e estilo próprio.
Acho que chamamos de cafona, brega, aos que optam por um estilo mais exagerado, "over", algo quase caricatural às vezes... Mas cada um pode e deve ser o que quiser. E hoje, o que é cafona é "fashion"!!!!!!

Bom gosto, mau gosto são relativos mas bom senso NÃO.

Por isso, pra mim CAFONALHICE COMPLETA é quem não tem educação, cuidado, respeito, civilidade. Quem não sabe ser adequado nas diversas ocasiões, quem não sabe se portar dignamente na vida, quem não entende nada da arte de conviver.

De médico e louco todo mundo tem um pouco... e de chic e cafona também...

A-DO-RO fazer compras na 25 de Março. É a cara do Brasil!!!! Hahahaha!!!!

ZEROOOOOO PRA UNIBAN!!!!!
ZEROOOOO PRA MÍDIA!!!!!!!

E VIVA O CAFONA, que é autêntico e verdadeiro!!!!!

Beijos chiquérrimos
Zel

Papoula p Zelzita disse...

25 de março, uauuuuuuuuuuu, ADOROOOOOOOOOO Zelzita, fico ENLOUQUECIDA ali e olhe, trago cada TESOURO q até DEUS duvida!

Na próxima ida a 25 vou te chamar p nos esbaldarmos juntas, ok?

Cafonas são pessoas que não sabem curtir a vida, os bons momentos e vivem azedas, de cara feia,reclamam de tudo tem coisa pior? Isto eu acho uma cafonice absurdaaaaaaaa!

Linda noite p vc queridinha!
E O NARIZINHO , sarou?

Zel adora 25 de março disse...

Oi Papoula Dragão Dourado!!!!

Ah, que delícia irmos na 25 de março. Me avise sim, quando vier. Vai ser uma farra. Aquilo é um universo maravilhoso! Enlouquecedor, hahahaha!
Ah, quando fizerem a festa do CAFONA, me convidem que vou com o MAIOR PRAZER!!!!!!!!

O nariz está ótimo. Ficando DEZZZZZZZ de novo! Fraturar o nariz no apagão é demais da conta, hahahahaha! Só eu mesmo!!!!!

Beijão,querida! E Boa Noite

Eliane p/todos disse...

Boa noite blogueiros. Cheguei tarde, mas cheguei. Por eta vocês não esperavam não é?
Tenho pedido a Deus um bonus de natal. Cafona ou Chique. Quem sabe uma viagem.
Uma boa notie e obrigadíssima pela presença.

Sérgio disse...

Olá Zel,
muito boa sua postagem, concordo com você em tudo nesta postagem...
já estou louco para voltar a SP....

a vizinha atrasada disse...

eU JÁ ACHO A C MAYRINK VEIGA A CAFONICE EM PESSOA. TER DINHEIRO NÃO SIGNIFICA TER CLASSE. SEMPRE COBERTA DE PELES, BOCõES, CABELÕES, OLHARES , CILIOS, POSES. QUERIA Vê-LA DE JEANS E CAMISETA ! ESSA É A PROVA PRA QUEM TEM CLASSE. AQUELA COISA ASSIM QUE VEM LÁ DE SEUS ANCESTRAIS...E NÃO É PRÉ-FABRICADA. A CMV APRECE ESCULPIDA EM gesso e de má qualidade.