sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Aperte o cinto ou mude de poltrona


Desde pequena adoro aeroportos. E aviões. Sempre repeti que o melhor caminho para mim é o aeroporto. Claro que é porque adoro viajar. Mas também porque ali a vida pulsa como em uma emissora de televisão. É o ir e vir de histórias, as fantasias de viver um novo lugar, a fuga da rotina. Mas já se foi o tempo que viajar de avião era chiquérrimo e as pessoas tinham classe. Hoje você já começa a ter um prenúncio do que será sua viagem logo que chega no check in. Seus companheiros de viagem podem variar: o grupo barulhento que está viajando a trabalho ou a mãe que vai ao encontro do marido com trigêmeos, os gordinhos simpáticos que toda hora andam pelo corredor e se mexem o tempo todo, a turma do ronco...Ai Meu Deus. Não é mais tão simples andar de avião. Nem com prioridade. Agora então que os comissários só distribuem mini lanchinhos, nas viagens de longa distância você ainda encontra o pessoal que leva farnel. Não dá para esperar nem um pouquinho chegar ao destino. O avião decolou e é um tal de abrir o sacolão e tirar tudo que você pode imaginar. Com criança ainda vá lá, mas tem marmanjos que pensam que vão morrer de fome. E tem aqueles que pensam que o avião é só deles e param no corredor abrindo e fechando compartimentos de bagagem.
Na minha volta de Recife, prefiro poupar vocês da ida, marquei a poltrona 20 D, e pensei: criancinhas vão na frente e então não corro riscos. Não que eu não goste de criancinhas, mas imaginem viajar ao lado de uma mãe dedicada com mais ou menos 90 quilos, sandalinha de dedo e que bate a perna no chão o tempo todo sei lá porque.
Feliz com a minha poltrona 20 D, a confusão começou antes da decolagem, quando um estrangeiro teve que ser retirado do meu lugar. E ele se descompensou:
_"Só vou no corredor, eu pago eu pago", gritava ele com sotaque carregadíssimo.
Depois de resolvido o problema, quando vou confortavelmente me sentar, ouço uma voz baixinha:
"Lilizinha, preciso trocar de poltrona. Venha para 20 C. É por causa do meu joelho esquerdo."
Quando me chamam de Lilizinha...eu sei que vem encrenca.
E advinhem ? Ao lado da mãe dedicada com o menino lourinho chamado Gabriel cheio de cachinhos louros. Anjo? Sei lá. Mas nem olhei para o lado. Duas horas e quarenta minutos, torta. Claro. A jovem mãe ocupava o espaço todo, Gabriel -o anjo- pulava de um lado para o outro comendo coxinha de galinha, chocolate, batata frita, rosquinha com um copo de suco de laranja que acompanhava o movimento da aeronave. E eu muda. É, porque se você acha uma gracinha começa aquela conversa sem fim e os casos do meninão.
Mas legal mesmo foi quando o mini lanchinho começou a ser servido. Advinhem que ficou sem os quitutes? A fileira da 20 C. Eu, o anjinho e a mamãe bermudão.
No corredor ao lado, a companheira de viagem se esbaldava de rir e fingia dormir.
Pois é, isto é que dá andar com gente que não é saudável e que dói joelho, dói isto e aquilo.
Na próxima vou pensar se renovo o convite e marcar um assento na cauda do avião. Agora deixar de voar...jamais! E sem perder o estilo. É por estas minhas bobagens que ainda vou parar no purgatório antes de chegar ao paraíso. Se for de primeira classe, tudo bem!
Bom dia meus queridíssimos, companheiros de jornada aqui no Blog e nos meus voos rasantes.

Na foto: breve momento de paz no vôo por causa da turbulência.

14 comentários:

Chica disse...

rssssssssss....ri muito aqui e é bem assim mesmo.

Mas olha, se fores pra cauda, corres o risco de ao abrir a porta do WC seres contemplada com o delicioso perfume...

Ou pior, ,se sentares no corredor( eu só viajo nele) teres teu rosto esfregado por uns bundões que correm pra fila do WC quem, invariavelmente entope de gente,rsrsrs


Mesmo assmi, vamos viajar!!! rssr beijos,lindo fds!chica

Eliane Furtado disse...

ksksksksk Chica, ainda bem que vc me lembrou ksksksksksk
Quem riu muito agora fui eu kskskskskssk.
Viajar sempre. Bs

Dragão Peralta kkkkkkkkk disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk já DESENTORTOU queridinha???
Acredite, ontem eu já estava na minha caminha, olhos fechadinhos qd me lembrei da sua fisionomia qd a aeromoça entregou o COPO DE SUCO P "O ANJINHO GABRIEL" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk devia ter fotografado pq estava mtooooooooooo engraçada toda encolhida e só aguardando O BANHO kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, comecei a rir sozinha no escurinho do meu quarto kkkkkkkkk... o texto está DEZZZZZZZZZZZZ!!!!
Chica tem razão, mtos anos atrás cheguei tarde só haviam os lugares próximos ao BATHRROOM uauuuuuuuu que viagem tristeeeeeeeeeeee, prefiro nem entrar nos detalhes pq foi um SOFRIMENTO SEM FIM kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk lindo dia e minha malinha está prontinha p partir again SEM DESTINO, vamos???

Dragão Peralta disse...

Corrigindo: BATHROOM, acho q foi a lembraça do PERFUME que me estonteou e coloquei dois erressss kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk lembraça TENEBROSA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Fez-me rir este teu post, Eliane! Tem gente mesmo que não tem educação e tanto faz se vai a pé, de carro, de onibus ou de avião; é tudo igual. Eu adoro viagem de avião; não tenho medo! Penso assim: se cair nem dou por isso, morro antes; pena de quem está do outo lado à minha espera. Beijinhos, amiga e tenha um bom fim de semana, sem pessoas mal educadas por perto, o que é difícil.
Mila

Lulu disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKK... tou aqui ainda rindo muito de sua aventura... pois é, porque viajar de avião hoje é uma verdadeira aventura. As coisas que você tem que driblar... rsrsrsrsrsrsrs
Quando comecei a viajar de avião foi quando fui interna no Assunção, eu tinha 11 anos incompletos, mamãe fazia vestido novo para eu viajar, os homens muito bem vestidos, as aeromoças chiquérrimas, altas, elegantes, salto alto, com aquelas meias que tinham um fio vertical atrás, lembra? Naquele tempo tinha a Cruzeiro do Sul, a NAB, o Loyde Aéreo, a Real, eram bimotores, depois a Panair passou a operar aqui em Aracaju, era um quadrimotor enooooooorme (imagine!!), nossa, eu me sentia a própria viajando nele... rsrsrsrsrsrs
E os pilotos? Caraca, que raça de homens lindos, hoje você olha não sabe quem é o comandante, o co-piloto, o comissãrio de bordo, é tudo igual! E os passageiros, então... viajam de short, bermuda, camiseta... e para mim viajar de avião perdeu de vez o charme com o advento dos e-tickets... diga, se não eram muito mais chiques aqueles bilhetes preenchidos a mão, cheio de números e códigos... hoje você nem precisa mostrar nada, só um documento de identidade...
E as refeições e lanches? Fartos, logo quando você entrava ofereciam chocolates, as refeições vinham naquelas tijelinhas com a logomarca da empresa (quantas eu roubei! Tinha uma verdadeira coleção... kkkkkk)...
Hoje... :-((
Mil beijos para todos, tenham um excelente dia!

Lucia Lombardi disse...

Que tal Nova Yorque, classe economica, pela AA Lines, ja viu coisa pior? kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Otimo fim de semana para voce!Lucia

Eliane Furtado disse...

Vcs estão rindo não é?!
Sabia que eu ia virar a piada do dia kskskskskksksks
AA para Nova Iorque econômica? Faço um esforço kskskskskskskskksks
Bjs Lulu, Lucia, Mila. Eu volto.

Vera do sulllll disse...

Boa tardec Eliane!
Boa tarde blog!
Não sei se é ansiedade ou medo, mas as pessoas, querem logo comer...comer... como se tivessem que passar dias dentro do avião... ri muito com a história, falta educação, respeito e limites. Ser chique é saber comportar-se convenientemente em qualquer lugar, quanto mais num avião.
Bj de sexta com céu emburrado e abafado.

Lucia Lombardi disse...

Ja entrei em contato com a Maria na editora. Depois quero autografo ao vivo! Bjus

Eliane Furtado disse...

KSKSSKSK Maria????
É Luanna ou Carolina kskskskksks
Mas se te atenderam bem, ótimo!

Eliane Furtado disse...

Veroca os "Sem Noção" estão aumentando cada vez mais.
Limites? Aqui no Rio, tá difícil!
bJS.
VC RIU TAMBÉM, NÃO É?! RSRSRSRSRSR
Quem mandou, quem mandou rsrsrsrsrs

Maria Cecile disse...

Eliane, adorei o post de hoje. Ri muito também. Vcs duas formam uma dupla e tanto.
Acho que em avião, ônibus, coletivos, deviam ter lugares especiais para quem está com crianças. pelo menos vc não tem surpresas. Criança chora, não pára de falar, derruba suquinho, rsrs. não tem jeito.
Beijos em vcs!

*Mi§§ §impatia* disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Ai pior eu que morrooooooooo de medo de avião, afffffff ninguem merece kkkkkkkk
Bom fim de semana, beijos.